Patronos do IEC

Rómulo de Carvalho, Miguel Torga e José Mariano Gago são os patronos eleitos do Instituto de Educação e Cidadania, que servem de referência da grandeza humana do Homem e dos valores éticos e morais que regem a conduta dos membros do IEC.


Rómulo de Carvalho

Pedagogo, ficou como referência, na memória de muitos dos seus alunos, historiador de Ciência, e grande poeta que escreveu sob o pseudónimo António Gedeão. Como poeta incorpora na sua poesia uma cultura científica atual, e deixa transparecer uma visão clara do mundo moderno.


 


Miguel Torga

Médico, escritor, que nasceu em Trás-os-Montes, e nos anos de infância teve uma vida atribulada, que passou pela emigração para o Brasil, donde voltou aos 17 anos. Homem íntegro, conhecido pelos seus Diários, pelos seus contos, pela sua poesia, pela sua prosa acessível a todos os que a lêem.


José Mariano Gago

José Mariano Gago foi um dos  cientistas e seres humanos que mais marcou a sua geração. Mariano Gago foi um espírito independente que entrou na política para defender os cientistas  de todas as áreas do conhecimento...

Foi um ministro arrojado, que sabia que a sua visão unificadora do conhecimento; Ciências, Artes, Letras, não era pacífica nos meios académicos, mas lançou programas ousados de financiamento, em todas as áreas, dirigidos aos investigadores com genuína curiosidade pelo conhecimento. Sabia que não era fácil penetrar a divisão clássica do conhecimento, mas foi inteligente como o fez, desafiando os investigadores, à margem das instituições.

Mariano Gago libertou os investigadores das universidades tradicionais, onde a ação e o livre pensamento eram limitados... deu liberdade aos investigadores...foi um revolucionário e um homem de visão.

Mariano Gago fez singrar a Ciência nos laboratórios e depois levou-a para a rua, levou a experimentação científica para as escolas, através da intervenção da Ciência Viva e dos centros de investigação, e quis levar a argumentação científica para dentro dos debates da sociedade e da decisão política democrática.